18 de abril de 2008

Obrigada...

Sei que gostas mais do lado activo das palavras, mas deixa-me hoje agradecer-Te assim, neste rezar simples.
Parei tantas vezes diante desta porta. Sentia que precisava descobrir-Te melhor… conhecer-Te para que pudesse escrever e tocar-Te. Foi há muito que me descobriste e desde aí me acompanhas. Foste-me conhecendo por aí, a caminhar comigo… a partilhar comigo dias inteiros de vida. Senti o Teu sorriso soltar-se entre algumas palavras e o Teu abraço (e)terno em silêncios que tornaste nossos.
Sabes o que me faz gostar sempre mais de Ti? Essa Tua maneira de subtilmente nos tornares maiores… de nos encheres de uma alegria calma. Desta vez, mostraste-me que há mais uma artéria a ligar-nos… Esta, onde a Vida pulsa e o Amor é oxigénio.
Obrigada… por Ti e pelo Teu jeito único de ires acrescentando cor à nossa vida.

2 comentários:

joaquim disse...

Ni, não tenho palavras para te dizer como esta tua primeira oração neste espaço me tocou.
É lindo este teu diálogo feito rezar, feito oração.
E faço-a minha também.
Sê bem vinda com um enorme e amigo abraço em Cristo nossa Vida

multiolhares disse...

Rezar, orar é isso mesmo, falar com o Divino, e não existe formula para isso, é só ter o coração aberto e deixar sair as palavras faladas ou em pensamento, muito bonita a oração
beijinhos